Moscovo, aqui vamos nós!



Não consegui ver a 1ª parte.

Mas da segunda parte…

Antes da expulsão de Álvaro vi 2 lances para vermelho por mostrar a sevilhanos.

Após sofrermos golo Fernando desatou a recuperar bolas. Apareceu num momento crucial.

É verdade que Guarín nos minutos que esteve em campo teve 3 lances com erros graves de finalização que impossibilitou-nos de marcar e acabar com o sofrimento. Mas a verdade é que a sua entrada foi muito importante para esticar a equipa para o ataque, em vez de ficarmos retraídos lá atrás.

Também é bom perder, é bom que estes jogadores sofram colectivamente e que saibam superar testes difíceis. A verdade é que após um golo que poderia ser traumático, a equipa soube responder muito bem.

É óbvio que a “opinião geral” será de que o Porto eliminou um fraco Sevilha. Mas eu não tenho dúvida que eliminámos um bom adversário e seguimos o nosso caminho!

Em Moscovo sem Álvaro mas com vontade de fazer um grande resultado!

P.S.: Já vi o cabeceamento de Falcao à barra, era lindo.. 

 photo anuncio.jpg

 photo anuncio.jpg

1 comentários

  1. caríssimos,

    penso que o encontro de ontem já foi conveniente e superiormente escalpelizado no post e demais comentários ;)

    deixo só esta nota: é (também) com encontros como o de ontem que se sente o nosso Portismo! mesmo a roer as unhas e com (algum) credo na boca, acreditámos sempre na Equipa.

    saudações desportivas mas sempre pentacampeãs! ;)

    Miguel | Tomo I

    ResponderExcluir